Por: Athenais

A Polícia Civil de Luís Eduardo Magalhães, através da Divisão de Homicídios, elucidou o assassinato de Sandro Ribeiro dos Santos, ocorrido no ultimo feriado de 7 de setembro, quinta-feira, por volta das 03h, nas proximidades da Rodoviária local.

Logo no início, as investigações declinavam para um morador de rua conhecido pela alcunha de “Neguinho da Faca”, apontado por elementos de prova, como sendo o principal suspeito de ter matado Sandro.
Diante dos indicios, o Delegado de Polícia, Joaquim Rodrigues, pediu a prisão temporária do mesmo.

Após várias diligências nos possíveis locais onde “Neguinho da Faca”  costumava frequentar e foi localizado no bairro Santa Cruz e conduzido à delegacia de polícia para ser identificado e interrogado. Foi nessa oportunidade que o suspeito confessou ter desferido os dois golpes de faca que causaram a morte de Sandro. De acordo com o autor, teria sido por que a vitima o negou R$ 10,00 (dez reais), que segundo o próprio “Neguinho da Faca”, seriam usados para comprar crack, droga que o assassino é usuário há cerca de quatro anos.

Na delegacia de polícia,  constatou-se que “Neguinho da Faca” é Edinon Guedes da Silva, 39 anos, natural de América Dourada (BA), já com diversas passagens pela policia, por prática dos crimes de furto, roubo, tentativa de homicídio e violência doméstica. Tais delitos praticados nos estados: Bahia, Goiás, Minas Gerais, São Paulo e Mato Grosso.

O celular e a carteira com dinheiro da vítima foram roubados. Segundo “Neguinho da Faca”, por outro morador de rua.

A polícia civil investiga a veracidade dessa informação. Ainda não há conclusão, se trata-se de homicídio ou latrocínio. O autor confesso do assassinato, encontra-se preso.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*





Rua Guadalajara, 403 - Centro | Barreiras-Bahia
© Copyright 2013 RB - Rádio Barreiras | Todos os direitos reservados