Por: Athenais

Crime ocorreu em Nova Viçosa, no sul do estado. Segundo a polícia, homem confessou que golpeou vítima com faca, mas disse que não teve intenção de matar mulher.

Um homem foi preso em flagrante após matar a própria mulher com uma facada durante uma discussão por causa de bebida alcoólica, no município de Nova Viçosa, na região sul da Bahia.

Conforme informações divulgadas nesta sexta-feira (9), pela Polícia Civil, o suspeito Cristiano Teles da Silva, que não teve idade divulgada, confessou que golpeou a companheira, Mirian dos Santos, de 43 anos, com uma faca, após, segundo ele, ser ameaçado pela vítima, mas disse que não teve intenção de matar mulher.

O crime ocorreu no último domingo (4), na casa onde o homem e a mulher moravam juntos, no distrito de Argolo, zona rural do município. Conforme a polícia, os dois estavam em um relacionamento há 11 meses e não tinham filhos.

“Ela bebia e ele não gostava. No dia do crime, ele disse que ela já acordou bebendo e que, quando foi chamar a atenção dela, iniciaram uma discussão. Ela, então teria pego uma faca tipo peixeira e atingido ele no olho e nos dois polegares. Depois, ele disse que empurrou ela, tomou a faca e a golpeou. Ele disse que não se lembra direito como foi, nem sabe dizer onde a atingiu com a faca”, disse ao G1 a delegada Waldiza Fernandes, que apura o caso.

Após o crime, o suspeito fugiu e foi preso na manhã do dia seguinte, nas margens da BR-418, caminhando em direção ao centro da cidade.

“Ele contou naturalmente como tudo aconteceu. Disse que a golpeou com a faca, mas que não teve a intenção de matá-la. Ele, no entanto, vai responder feminicídio, homicídio qualificado, por motivo fútil”, disse a delegada.

Cristiano foi encaminhado para a sede da 8ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin) de Teixeira de Freitas, também no sul do estado, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: G1 Bahia

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*





Rua Guadalajara, 403 - Centro | Barreiras-Bahia
© Copyright 2013 RB - Rádio Barreiras | Todos os direitos reservados