Musical RB 20h às 23h


Por: Athenais

O acusado de matar a golpes de faca uma adolescente de 15 anos em Barra da Estiva, no sudoeste, foi solto nesta segunda-feira (8). Um teste de DNA não atestou a autoria de Carlito Camilo de Souza, suspeito pela morte, informou o G1. Rhanna Kevila da Silva Almeida foi morta no dia 1° de junho quando se arrumava para um ensaio de quadrilha junina (lembre aqui). Além dos golpes de faca, ela teve o corpo incendiado. Familiares acreditam ainda que ela tenha sofrido abuso sexual.

Carlito Camilo de Souza estava preso em Brumado, também no sudoeste, e teve a liberdade provisória concedida. De acordo com a Justiça, não há prova conclusiva da suposta autoria do acusado, e o próprio Ministério Público pediu a liberdade provisória de Souza. A Polícia Civil também informou que o resultado de um exame de DNA encontrado no local não tem o mesmo material do acusado. O homem foi preso no dia 11 de junho como principal suspeito do caso. Conforme a polícia, Carlito apareceu em um vídeo feito por câmera de segurança, jogando fora o celular de Rhanna, próximo ao jardim da Igreja Matriz de Barra da Estiva.

Fonte: Bahia noticias

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*





Rua Guadalajara, 403 - Centro | Barreiras-Bahia
© Copyright 2013 RB - Rádio Barreiras | Todos os direitos reservados