Hora no Campo Rep. 18h às 19h


Por: Athenais

Londres foi alvo de ataques semelhantes três vezes e Estocolmo e Paris também registraram casos do tipo. Em 2016, terroristas atropelaram pessoas em Berlim e Nice.

atentado em Barcelona, nesta quinta (17) foi o sexto em que os autores usaram um atropelamento como forma de atingir as vítimas em 2017. Segundo a polícia espanhola, 13 pessoas morreram e mais de cem ficaram feridas depois que um motorista com uma van atropelou pessoas em La Rambla, uma das vias mais movimentadas da cidade.

Antes, ainda este ano, pessoas foram atropeladas em ataques em Paris, Estocolmo e Londres. Apenas na capital inglesa foram três ataques do mesmo tipo. Em 2016, atentados semelhantes tinham acontecido em Berlim, na Alemanha, e Nice, na França.

Em 20 de abril deste ano, em um ataque na avenida Champs Elysée, em Paris, o autor também usou um carro para se aproximar de suas vítimas, mas não chegou a atropelar ninguém. Segundo policiais, um homem num veículo atirou contra uma viatura que estava parada num sinal vermelho. Ele depois saiu do carro e continou atirando, até que foi baleado e morto.

Veja a seguir os casos de atentados por atropelamentos registrados na Europa desde o ano passado.

Barcelona – 17 de agosto

Uma van atropelou várias pessoas em La Rambla, via que fica em uma das regiões mais turísticas de Barcelona, na Espanha, nesta quinta-feira (17). As autoridades dizem que 13 pessoas morreram e 80 ficaram feridas, algumas em estado grave. O caso é tratado como um ataque terrorista. Dois suspeitos foram presos. Segundo a imprensa local, outro suspeito morreu em uma troca de tiros. A agência do Estado Islâmico afirma que o grupo reivindicou a autoria do ataque.

Paris – 9 de agosto

Um carro atropelou uma patrulha antiterrorista, deixando seis feridos, em 9 de agosto, em Levallois Perret, perto de Paris, na França. As equipes que buscam combater ataques extremistas passaram a atuar no país depois dos atentados de 2015. Um homem foi preso na região norte de Paris, suspeito de ser o atropelador, e hospitalizado com ferimentos de balas. De acordo com autoridades, ele dirigia o mesmo veículo BMW usado no ataque e foi baleado durante sua captura. Não está claro qual era a motivação do motorista, mas autoridades disseram que ele acelerou deliberadamente pare atingir os soldados. O caso é investigado como um potencial ataque terrorista.

Londres – 19 de junho

Fonte: G1

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*





Rua Guadalajara, 403 - Centro | Barreiras-Bahia
© Copyright 2013 RB - Rádio Barreiras | Todos os direitos reservados